sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

A LUPA DO POVO

E será pelas caixas dos supermercados que a revolta alastrará! Eu aliás quando vou a uma (todos os dias!), aproveito para arengar às massas, seja levantando e manuseando bem alto as fraldas das crianças, seja invectivando a necessidade de pagar a comida dos animais (lá de casa!), seja aproveitando para dar/receber lições de economia ao nosso brilhante ministro das finanças, sobre a arte de bem contar e poupar nos tostões (perdão cêntimos! que já me falha a cabeça).

Quando saio do supermercado vou de sorriso de orelha a orelha: é que quanto mais gosto do meu povo, mais vontade tenho de descalçar os sapatos e atirá-los para a residência do PM (e olhe que são 44!).

Seu pavão, seu Brutus, convencido que é melhor pessoa que a escritora-caixa do supermercado! Quanto mais conheço uma parte deste povo fora do tráfego, no aconchego da sua consciência, mais gosto dele!Só não gosta quem pensa que pelo cargo já foi promovido de povo a eternamente ministro!

Aqui fica o site de uma escritora de caixa de supermercado, que escalpeliza diariamente as venturas e desventuras deste povo! Promoção a ministra para ela, já!

1 comentário:

Anónimo disse...

Olá. Bem dei uma expreitadela pela Lupa e fiquei fã. Simsenhora uma voz do povo!...

Publicar um comentário