quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

VÍTOR GASPAR: TEÓRICO MACROECONÓMICO

«Sempre em níveis altos durante mais 15 anos. A taxa de desemprego em Portugal vai continuar acima dos 10% até 2025, segundo o relatório do Orçamento do Estado para 2012. Esta previsão não incorpora, contudo, os potenciais «efeitos positivos» das políticas governamentais, faz notar o ministro das Finanças, Vítor Gaspar.»
A demonstração cabal da ineficiência de um teórico que vê Portugal como um lugar de experimentação académica sem praticidade.

Portugal precisa de estadistas não de técnicos economicistas sem capacidade de descida à terra para a resolução dos verdadeiros problemas de quem lhe paga o pré.

Sem comentários:

Publicar um comentário