quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

O ACTUAL GOVERNO É PROTOFASCISTA?

«Rendas: aumentos podem chegar aos 1.000 euros.Já proprietários admitem aumentos até 600 euros devido à actualização do IMI»

Não tenho dúvidas que as medidas implementadas por este governo vão criar um país ainda mais desigual. Um país que não é para velhos nem para novos, um país que beneficiará os detentores de bens imóveis e de capital fiduciário. 
Mas no fim todos empobrecerão, porque as medidas radicais que  se querem implementar terão um efeito nocivo num país já de si há muito equilibrado no fio da navalha.
Nessa medida pode-se perguntar entre a "cara" dos imberbes ministros Santos Pereira e do estranho Gaspar, o que restará deste Tsunami que atravessa a sociedade Portuguesa? 
Uma saída argumentada com um "foi a crise internacional", disfarçando as más medidas que potenciaram o abismo em que Portugal e as empresas Portuguesas mergulharam ou uma fuga desordenada do Sebastiânico e teimoso Passos, que em poucos meses conseguiu já fazer esquecer a arrogância atroz do seu delirante antecessor?   

Sem comentários:

Publicar um comentário