quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

SUBSTITUIÇÃO DE SANTOS FERREIRA

A substituição de Santos Ferreira tem o dom de ter pecado por tardia. 
Como foi possível um banco como o BCP ter chegado a este estado? 
A resposta só pode estar na ligação entre política e finança, na não separação entre o que é de César e o que é do domínio da economia pura, sem dedinho do Estado a contaminar e intoxicar os activos privados.  

Sem comentários:

Publicar um comentário